Escoliose na infância e adolescência

A escoliose infantil é um problema postural que tem se tornado comum, porém se tiver identificação e tratamento precoce poderá ser revertido o quadro.


A escoliose é um desvio da coluna vertebral, que pode ser para direita ou esquerda. Esse problema pode passar despercebido na infância e causar maiores problemas na adolescência e fase adulta.


Algumas das alterações que a escoliose pode causar, além da alteração estrutural, são alterações respiratórias, alterações da marcha e dor.


Além da escoliose adquirida por má postura também temos a escoliose congênita, que geralmente é por alteração genética.


O número de casos aumentou muito após início da pandemia, devido à diminuição da atividade física, aumento de tempo do uso de eletrônicos, mais tempo no sofá e na cama e o aumento de peso corporal.


Podemos identificar essa alteração postural com algumas observações simples, como olhar a alinhamento dos ombros, quando se curvar para frente ver diferença na altura dos lados, diferença entre o tamanho dos membros, entre outras. Esse diagnóstico é feito pelo ortopedista com exames complementares e após identificado é encaminhado para o fisioterapeuta para tratamento.


O tratamento é com fortalecimento de coluna, alongamentos e reeducação postural, orientado por um fisioterapeuta. Por isso sempre falamos da importância do incentivo da prática de esportes e atividades físicas em geral desde a primeira infância.

Sou Layla Nery, estudei no Colégio Atibaia do ensino fundamental ao médio.


Fisioterapeuta formada pela Universidade São Francisco em 2010.


Atuo desde 2010 no Ambulatório Médico de especialidades do Governo do estado (AME Atibaia) e com pacientes particulares nas áreas de ortopedia, geriatria, respiratória entre outras.


Para maiores esclarecimentos estou a disposição | E-mail: laylavalladao@gmail.com

12 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo